Álbuns do Mês: Anna Ratto – Tantas

Capa do álbum 'Tantas', de Anna Ratto (Foto: Nana Moraes)

****

O Brasil é realmente o país das cantoras. Depois de seu álbum autoral de 2012, Anna opta por gravar essencialmente como cantora, interpretando composições alheias. O resultado é muito bom. Ela vai de um frevo  gostoso (“Desbunde”) até composições mais melodiosas como a bela Ana Luisa e a mais roqueira Inemurchável. Gostei bastante da experiência. Excelente cantora.

 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Anna Ratto, Álbuns do Mês, Diversas, mpb

Álbuns do Mês: Wado – Precariado

https://i2.wp.com/miojoindie.com.br/wp-content/uploads/2018/05/e98a9065155e752ac2e894393ca67119fd209740.jpeg

 

**3/4

Wado tem uma carreira sólida e independente. Pouco conhecido do público em geral sempre primou pela qualidade em seus discos. Com Precariado não é diferente, um álbum caprichado, com canções delicadas, arranjos bem elaborados e uma impressão geral de bastante agradável. O problema, se que é que há, é o o da atual MPB, as letras das canções se mostram meio alienadas do mundo atual. Fala-se de amor (“Roupa”), flerta-se com o rock (“Correntes Comprimidas”) e até com a onda atual de ritmos latinos dançantes (“Contas y Conchas”). Pode ser rabugice minha, mas sinto falta de atitude. O Brasil, neste momento atribulado, me lembra o Brasil dos anos 1970, e nesta época falávamos de amor, latinidade e dançávamos ao som de músicas engajadas e sintonizadas com o seu tempo.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Álbuns do Mês, Diversas, mpb, Wado

13 de Julho: Dia Mundial do Rock : Chuck Berry, Eric Clapton, Keith Richards jam

Nossa homenagem ao dia mundial do rock: Keith Richards, Eric Clapton tocando juntos. Long live rock and roll !

Deixe um comentário

Arquivado em Chuck Berry, Dia Mundial do Rock, Diversas, Eric Clapton, Keith Richards, Rock

Álbuns do Mês: Courtney Barnett – Tell Me How You Really Feel

 

TellMeHowYouReallyFeel.jpg

*** e 3/4

Depois de sua boa estreia em 2015 com Sometimes I Sit and Think, and Sometimes I Just Sit esta cantora australiana lança seu segundo disco: Tell Me How You Really Feel. De cara uma constatação : o rock está vivo – básico, com acordes simples, descomplicado – é bom e nestes tempos de empoderamento feminino, tocado por uma garota de de pouco mais de trinta anos.  Gosto muito de The City Looks Pretty e Nameless, Facelly , mas são marcantes as letras e a pegada rock de Need a Time, I’m Not Your Mother,I’m Not Your Bitch.Esta menina tem futuro.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Álbuns do Mês, Courtney Barnett, Diversas, Rock

Álbuns do Mês: Silva – Brasileiro

***

Silva, um dos grandes “novos”nomes da MPB está com lançamento novo: Brasileiro, seu sexto disco na carreira. As canções são lindas, mas às vezes tediosas. Em vários momentos ele me remete a Jorge Drexler ou às vezes a Los Hermanos. O Álbum é gostoso de escutar, mas fica a sensação de que Silva tem talento para alçar voos mais  altos. Pequenas demonstrações desta teoria podem ser escutadas em “Nada Será Como Era Antes” e “Ela Voa“que têm uma batida eletrônica mais sintonizada com os tempos atuais, ou em “Brasil,Brasil“, com uma percussão que lembra rituais afro-brasileiros. Mas o grande destaque fica com a faixa “Fica Tudo Bem“, um dueto inspirado entre dois artistas em momentos diferentes na carreira.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Anitta, Álbuns do Mês, Diversas, mpb, Silva

Divulgação : Cultura Web Cast

Um de nossos  seguidores, o Jairo tomou uma iniciativa para aplacar nossa eterna saudade desta cultuada rádio. Está no ar a Cultura Web Cast.Escutem, vocês vão gostar.

Link: http://www.culturawebcast.com/

Deixe um comentário

Arquivado em Cultura Web Cast, Diversas, Divulgação, Rádio Cultura AM 830

Álbuns do Mês: Roger Daltrey – As Long as I Have You

RDaltrey AsLongAs.jpg

****

Pegue um dos cinco maiores vocalistas de rock da história, misture com um repertório de covers de de R&B e soul, está pronto um dos melhores lançamentos do ano. As Long as I Have You é o nono disco solo de Daltrey, o último (Rocks in the Head ) havia sido lançado no longíquo 1992. É certo que ele havia também havia lançado Going Back Home em 2014 em parceria com Wilko Johnson do Dr Feelgood, mas não era um projeto solo e ficou um gostinho de quero-mais. A espera foi longa, mas o resultado agrada plenamente. Roger não perdeu sua qualidade vocal, pelo contrário, a maturidade deu um timbre ainda mais agradável a ela. No repertório destaques para “I’ve Got Your Love”, de Boz Scaggs, “How Far” de Stephen Stills, “Get On Out of the Rain (cujo título original é  “Come In Out of the Rain”)” do Parliament, além do belíssimo cover da balada “Into My Arms” de Nick Cave. Desde já um de nossos candidatos à lista de melhores do ano.

 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Álbuns do Mês, Diversas, Roger Daltrey