Série Pesquisa: As mais tocadas no Brasil 2. A década de 1930

Resultado de imagem para musica brasileira 1930

Dircinha Batista em 1939

A minha geração e em certo grau, também a nova, estamos acostumados a pensar na década de ouro da música popular brasileira (MPB) como situada entre o final dos anos 1960 e o final dos 1970. Mas, será mesmo que esta década foi a melhor da MPB ? Começo a desconfiar. Quando me dispus a pesquisar, ancorado na pesquisa anterior do site Mais Tocadas, outras seleções, separadas por décadas, fui surpreendido. Nada que já não soubéssemos, mas quando colocadas em conjunto, as canções da década de 1930 constituem a verdadeira base para o que escutamos hoje e para a própria década de 1970 (o que, para sermos justos, sempre foi reconhecido por aquela “nova” geração). Convido-os a escutar esta primorosa seleção musical, incluindo essenciais como Pixinguinha, Noel Rosa, Ary Barroso, Lupicínio, Lamartine Babo, Braguinha, Vicente Celestino entre outros, aqui apresentada em versões atualizadas, o que sem dúvida ajuda a trazer estas belíssimas canções para um contexto mais atual, facilitando a sua degustação.

São 45 sucessos:

  1. Minha Palhoça – Silvio Caldas (1935)
  2. O que é que a bahiana tem – Dorival Caymmi (1939)
  3. Tahi – Pra você gostar de mim – Joubert de Carvalho (1930)
  4. As Pastorinhas – Braguinha (1938)
  5. Cidade Maravilhosa – André F ilho (1934)
  6. O Teu Cabelo Não Nega – Lamartine Babo, João e Raul Valença (1932)
  7. Carinhoso – Pixinguinha, João de Barro (1917 e 1937)
  8. Tico Tico no Fubá – Zequinha de Abreu (1917 e 1931)
  9. Pierrot Apaixonado – Joel e Gaucho (1936)
  10. Linda Morena – Lamartine Babo (1933)
  11. Sonho de Papel – Alberto Ribeiro (1935)
  12. Camisa Amarela – Ary Barroso (1939)
  13. Na Pavuna – Almirante (1930)
  14. Camisa Listrada – Assis Valente )1938)
  15. Na Batucada da Vida – Ary Barroso (1934)
  16. Maringá – Joubert de Carvalho (1932
  17. Chão de Estrelas – Silvio Caldas (1937)
  18. Se Você Jurar – Ismael Silva (1931)
  19. O Ébrio – Vicente Celestino (1936)
  20. O Orvalho Vem Caindo – Noel Rosa (1933)
  21. Meu Moreno – Hervé Cordovil (1935)
  22. A Jardineira –  Humberto Porto, Benedito Lacerda (1938)
  23. Se Acaso Você Chegasse – Lupicínio Rodrigues (1938)
  24. Agora é Cinza – Bide e Marçal (1934)
  25. Para Me Livrar do Mal – Noel Rosa (1932)
  26. De Papo pro Ar – Joubert de Carvalho (1931)
  27. Mágoas de Caboclo – Leonel Azevedo, J.Cascata (1936)
  28. Não tem Tradução – Noel Rosa (1933)
  29. No Rancho Fundo – Ary Barroso, Lamartine Babo (1939)
  30. Na Baixa do Sapateiro – Ary Barroso (1938)
  31. Andorinha Preta – Breno Ferreira (1932)
  32. Com que Roupa – Noel Rosa (1931)
  33. No Tabuleiro da Bahiana – Ary Barroso (1936)
  34. Feitiço da Vila – Noel Rosa (1935)
  35. Aquarela do Brasil – Ary Barroso (1939)
  36. Touradas em Madrid – Braguinha (1938)
  37. Lábios que Beijei – Leonel Azevedo, J.Cascata (1937)
  38. Deusa da Minha Rua – Newton Teixeira, Jorge Faraj (1939)
  39. Singing in the Rain – Arthur Freed e  Nacio Herb Brown (1929)
  40. Yes Nós Temos Banana – Braguinha (1939)
  41. Não Tenho Lágrimas –  Maximiliano Bulhões e Milton de Oliveira (1937)
  42. Rosa – Pixinguinha, Otávio de Souza (1937)
  43. Bola Preta – Jacob do bandolim ? (1938)
  44. The Peanut Vendor – Moises Simons (1930)
  45. Faceira – Ary Barroso (1931)

Lançamento: Stevie Nicks: In Your Dreams

O Vitrola dos Sousa tem uma nova dica – olha quem está de volta: Stevie Nicks, (Stephanie Lynn Nicks), (Phoenix, Estados Unidos, 26 de maio de 1948) é uma cantora e compositora norte-americana, mais conhecida como cantora da banda Fleetwood Mac.

Seu novo CD, o primeiro em 10 anos é “In Your Dreams” , que tem impressionado muito bem a crítica americana. O Vitrola foi conferir e gostou. É muito bom voltar a ouvir Stevie Nicks  cantando bem como antigamente:

E para matar a saudade, num sucesso antigo…

THE TOP 100 GREATEST ALBUMS OF THE DECADE

Quase todo mundo adora uma lista,né ? Mesmo que seja para discordar…

Esta é mais uma lista da NME, revista inglesa. Vamos escutar os 10 primeiros: Quer conhecer a lista inteira ?

10 – Radiohead – In Rainbows

09 – The Streets – Original Pirate Material

08 -Interpol – Turn On The Bright Lights

07 -Arcade Fire – Funeral

06 -PJ Harvey -Stories From the City, Stories From the Sea

05 -Yeah Yeah Yeahs -Fever To Tell

04 -Arctic Monkeys -Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not

03 -Primal Scream -XTRMNTR

02 -The Libertines -Up The Bracket

01 -The Strokes -Is This It

25 best albums of 2011 so far

A revista inglesa New Musical Express (NME) indicou em sua edição eletrônica os 25 melhores CDs do ano até agora

1 . James Blake, ‘James Blake’

2. Wild Beasts, ‘Smother’

3. LCD Soundsystem, ‘The London Sessions’

4. Gorillaz, ‘The Fall’

5 . Lykke Li, ‘Wounded Rhymes’

 

os outros 20 indicados:

  1. Motorhead, ‘The World Is Yours’
  2. Noah & The Whale, ‘Last Night On Earth’
  3. Mogwai, ‘Hardcore Will Never Die, But You Will’
  4. Suuns, ‘Zeroes QC’
  5. The Naked And Famous, ‘Passive Me, Aggressive You’
  6. Yuck, ‘Yuck’
  7. The Streets, ‘Computers And Blues.’
  8. The Vaccines, ‘What Did You Expect From The Vaccines?’
  9. Beady Eye, ‘Different Gear, Still Speeding’
  10. Diddy – Dirty Money, ‘Last Train To Paris’
  11. Esben And The Witch, ‘Violet Cries’
  12. Frankie & The Heartstrings, ‘Hunger’
  13. Anna Calvi, ‘Anna Calvi’
  14. Glasvegas, ‘Euphoric /// Heartbreak ‘
  15. Elbow, ‘Build A Rocket Boys!’
  16. Iron & Wine, ‘Kiss Each Other Clean’
  17. The Joy Formidable, ‘The Big Roar’
  18. Bright Eyes, ‘The People’s Key’
  19. Kurt Vile, ‘Smoke Ring For My Halo’
  20. PJ Harvey, ‘Let England Shake’

 




Sabia que…

Beady Eye é a banda de rock  formada em 2009 por ex-integrantes do grupo Oasis, que voltaram a reunir-se após a saída de Noel Gallagher, seu principal compositor. A formação dos Beady Eye é praticamente a mesma dos Oasis no periodo entre 2000 e 2009:

Liam Gallagher na voz

Gem Archer na guitarra

Andy Bell no baixo.

Chris Sharrock na bateria (que também integrou os Oasis entre 2008 e 2009).

Jeff Wootton e Matt Jones (este no teclado), têm participações especiais no álbum de estreia.

Vamos ver se eles terão o mesmo sucesso e qualidade do Oasis

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: