Os incríveis anos 70:1969 – 1º FESTIVAL ESTUDANTIL DA CANÇÃO DE BELO HORIZONTE (FEC-BH)

Toninho Horta (aos 18 anos), com Joyce e Naná Vasconcelos (embaixo) defendendo a música de Toninho “Yara Bela”. Nesta fotografia de 1966 no festival Estudantil da Canção, Toninho Horta entrou com a música “Yara Bela” que levou o terceiro lugar, sendo representada por Joice, Toninho e Nana. Os festivais estudantis eram grandes oportunidades para músicos iniciantes e também para quem estava querendo mostrar seu trabalho.

Uma comemoração de 50 anos que passou em branco, na imprensa de modo geral, não poderia ficar esquecida aqui no Vitrola. No dia 16 de novembro de 1969 aconteceu, no Teatro Marília, um evento marcante na história da música popular brasileira: a realização do I Festival Estudantil da Canção de Belo Horizonte. Ele é importante porque pode ser considerado coma uma das origens do Clube da Esquina, um dos movimentos musicais que revolucionaram a música brasileira a partir do final dos anos 60. Para se ter uma ideia, participaram músicos e compositores  do quilate de Tavinho Moura, Lô Borges, Beto Guedes, Toninho Horta, Milton Nascimento, Túlio Mourão, Murilo Antunes, Antônio de Jesús (Sirlan) e foram jurados nomes como Fernando Brant, Egberto Gismonti, Nelson Motta, entre outros.

Estas foram 24 as finalistas:

  • Como vai minha aldeia (Tavinho/Márcio Borges) – Marilton Borges
  • Yara bela (Toninho Horta) – Joyce
  • Água clara (Eduardo Lages/Paulo Barros)  – Eduardo Conde
  • My love, my love (Tom Carlos/Fernando S.N. de Almeida) – Regininha, Dorinha e Malu
  • Clube da Esquina (Lô Borges/Márcio Borges) – Marilton Borges
  • Dia D (Vox Populi) – Vox Populi
  • Som maior  (Jaime Gouveia/Eduardo Prestes) – Beth Carvalho
  • Cibernética (Jesus Rocha) – Jesus Rocha
  • Fuga do amor perdido (Luis Carlos de Almeida) – conjunto 004
  • Canto de espera (Marcos de Castro/Bernadete Alves Agrícola/Álvaro Hozanah) – Bernadete
  • Canto de desalento (Toninho Horta) – Luiza
  • Equatorial (Beto Guedes/Lô Borges) – Beto Guedes e Lô Borges
  • Pelas ruas de meu mundo (Waldemar Santos/Eduardo Fonseca Novy) – Quarto Canto
  • Da Relva (Luiza Horta) – Luiza
  • Três horas da manhã (Waldemar Correia dos Santos/Eduardo Fonseca Novy) – O Grupo
  • Pra todo o sempre (Luis Carlos de Almeida/Leoldo da Silva Pereira) – Quarto Canto
  • Triste (Eduardo Lages/Selma Blaine) – Quarteto Forma
  • A quem viveu no mar (Beto Guedes/ Márcio Borges) – Jorge Nery
  • Tempo de passagem (Nilza Menezes/Jesus Rocha) – Nilza Menezes
  • Canção de esperar você (Vera Lúcia Cordovil/Márcio Lott) – Irany
  • Verdade submersa (Júnia Horta) – Jorge Nery
  • Impacto (Vox Populi) – Vox Populi
  • Sombras (Lena Horta/Luis Márcio Viana) – Quarto Canto
  • Retratos (Túlio Mourão) – Túlio Mourão

JURI: presidido por Armando Pitigliani (diretor da gravadora Philips) e composto por Marcos Valle, Antônio Adolfo, Egberto Gismondi, Dulce Nunes, Moisés Fucks, João Vitorino, Carlos Alberto da Fonseca, Roberto (Bob) Tostes, Afonso Romano de Santana, Tavito, Mônica Machado de Almeida, Fernando Brant, Maria Luiza Ribeiro, Paulo Nehki, Ângelo Osvaldo de Araújo

Nos intervalos aconteceram shows com os Golden Boys, Evinha Antônio Adolfo e a Brazuca 

LEIA AQUI A MATÉRIA PUBLICADA NA ÉPOCA NO CORREIO DA MANHÃ

A vencedora levou 5000 cruzeiros novos, a segunda colocada 2500, 1500 para a terceira, 1000 para a quarta e 500 para a quinta. A Philips lançou um LP com as 12 finalistas.

RESULTADO:

1º lugarÁGUA CLARA (Eduardo Lages/Paulo Barros) Eduardo Conde

Gravada em 1970 por  Quarteto Forma (Odeon LP MOFB 3631)

2º lugarCOMO VAI, MINHA ALDEIA (Tavinho Moura/Márcio Borges) Marilton Borges

Gravada em 1978 por Tavinho Moura (RCA Victor LP 103.0262)

3º lugar: CANTO DE DESALENTO (Toninho Horta/Rubens Théo)

4º lugar – RETRATOS:  Túlio Mourão

5º lugar – CLUBE DA ESQUINA (Lô Borges/Márcio Borges/Milton Nascimento) Marilton Borges – Arreglo de Nelson Ângelo

Gravada por Milton Nascimento em 1970 (Odeon LP MOAB 6004)

É difícil encontrar gravações destas músicas, mas preparamos um EP com 5 delas;

 

 

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: