Arquivo do autor:maurokleber

Sobre maurokleber

A sport auto fan A music lover

O Som Independente do Brasil – Panorama – vol 2

 

O Vitrola, com auxílio do excelente trabalho realizado pelo blog Eu Ovo, traz para seus ouvintes um panorama (do que foi disponibilizado gratuitamente para download). É uma amostra impressionante de ritmos, talentos, rumos novos, revisões. Esta  segunda seleção traz mais 30 artistas de todo Brasil:

 

  • 31. Luiz Gabriel Lopes – Mana
  • 32. Luiza Brina e o Liquidificador – Tão Tá
  • 33. Mophu – Brejo
  • 34. Madame Rrose Sélavy – Eterno Retorno
  • 35. Luiz Caldas – Li na Estrela
  • 36. João Leopoldo – Oi Tudo Bem?
  • 37. Trio Repelente – Ao Vivo Pra Ninguém
  • 38. Bel – Quando Brinca
  • 39.Chico Limeira – Chico Limeira
  • 40.Negro Leo – Action Lekking
  • 41.Samba Barbarismo – Samba Barbarismo
  • 42.Bratislava – Fogo
  • 43. Apanhador Só – Meio Que Tudo é Um
  • 44. Lício – Lício
  • 45. Nando Goulart – Polvo Opositor
  • 46. Jan Felipe – Circular
  • 47. Meu amigo Tigre – Toró
  • 48. Ailum – Quem Me Salvará Sou Eu
  • 49. Bongar – Ogum Iê
  • 50. Congo Congo – Congo Congo
  • 51. Ronaldo Gonçalves e Bernardo Diniz – O Samba Vai Durar
  • 52. Tertúlia na Lua – Pensamentos Instantâneos
  • 53. Motormama – Fogos de Artifício
  • 54. Psilosamples – SP Trips
  • 55. Lulu Mello – Vivendo Muito Bem a Vida
  • 56. Amora Pêra – Adúpé (Nós Agradecemos em Iorubá)
  • 57.Ludere – Retratos
  • 58. Young Lights – Young Lights
  • 59. Vinícius Gomes – Resiliência
  • 60. Dedé Santaklaus – Hahaha

 

Deixe um comentário

Arquivado em Diversas, Listas, mpb

Os Incríveis Anos 70: 1968, o ano em que o rock se tornou pesado.

Eu sei que tecnicamente 1968 não faz parte da década de 1970, mas a música nascida em 1968 faz parte desta década. Há 50 anos atrás o rock, através de vários lançamentos tornou-se mais alto e pesado. É o que relembra a revista inglesa MOJO, em sua edição de junho. John Savage selecionou 12 músicas, todas lançadas em 1968,  que modificaram o modo como o rock passou a ser tocado. O Vitrola não poderia deixar passar esta data em branco e traz para vocês a lista:

Deixe um comentário

Arquivado em Anos 70, Os Incríveis Anos 70, Os Incriveis Anos 70, Rock

O Som Independente do Brasil – Panorama – vol 1

Quem disse que a música brasileira se limita a funk carioca, axé e sertanejo está muito enganado. O Vitrola, com auxílio do excelente trabalho realizado pelo blog Eu Ovo, traz para seus ouvintes um panorama (do que foi disponibilizado gratuitamente para download). É uma amostra impressionante de ritmos, talentos, rumos novos, revisões. Esta primeira seleção traz 30 artistas de todo Brasil:

  1. Rodrigo Campos, Juçara Amaral e Gui Amabis
  2. Criolo
  3. Fabio Tris
  4. Alberto salgado
  5. Soledad
  6. Luiz Gabriel Lopes
  7. Cesar Lacerda
  8. Rafael Ops
  9. Seu Pereira e Coletivo 401
  10. Muntchako
  11. Amaro Freitas
  12. Nathalia Lima
  13. Túlio Boges
  14. Meia Dúzia de 3 ou 4
  15. Alzira E
  16. Kiko Dinucci
  17. OQuadro
  18. Sofia Freire
  19. Emicida, Rael, Capicua,Valete
  20. Gustavo Telles & Os Escolhidos
  21. Gustavito & Delbi
  22. Rincon Sapiência
  23. Luiza Lian
  24. Trupe de Chá de Boldo
  25. Giovani Cidreira
  26. Luisa eos Alquimistas
  27. Zé Bigode Orquestra
  28. Cris Braun e Dinho Zampier
  29. Homobono
  30. Boi Luzeiro

 

Deixe um comentário

Arquivado em Diversas, Listas, mpb

Conhecendo a MPB de qualidade – destaques 2017: 4. Cesar Lacerda

Resultado de imagem para cesar lacerda

César Lacerda (Diamantina, 5 de maio de 1987) é cantor, músico e compositor. Mineiro da cidade de Diamantina, passou a sua adolescência em Belo Horizonte, viveu por oito anos na cidade do Rio de Janeiro, e desde agosto de 2015 mora em São Paulo.

Lançou em 2013 o seu primeiro disco, “Porquê da Voz” (produção musical de Elisio Freitas). Em agosto de 2015, o artista lançou o seu segundo álbum, “Paralelos & Infinitos“, com produção musical de Pedro Carneiro. Na gravação do disco, o multi-instrumentista executa quase todos os instrumentos.Em 2017, César Lacerda lançou o seu quarto álbum, “tudo tudo tudo tudo”, também pelas gravadoras YB Music e Circus.

César tem parcerias musicais com artistas como Paulinho Moska, Marcelo Jeneci, Romulo Fróes, Matheus Nachtergaele, Eucanaã Ferraz e Roberta Campos. Já teve canções suas gravadas em mais de vinte discos de artistas como Filipe Catto, Marcia Castro, Aíla, Duda Brack, Julia Bosco, Graveola e o Lixo Polifônico, entre outros.

Deixe um comentário

Arquivado em Cesar Lacerda, Diversas, mpb

Conhecendo a MPB de qualidade – destaques 2017: 3. Soledad

Nadja Kouchi

Nascida em Fortaleza, Soledad desenvolve um trabalho híbrido, que vai da composição à interpretação, dos palcos de teatro à militância feminista. Representante da nova safra da música brasileira, a cantora busca descobrir e resgatar com liberdade, estilos musicais distintos, como num laboratório de experimentos sonoros, onde as influências e sonoridades são diluídas com muita sutileza e elegância. (Site da Cantora).

 

 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Diversas, mpb, Soledad

Conhecendo a MPB de qualidade – destaques 2017: 2. Alberto Salgado

https://i0.wp.com/www.albertosalgado.com.br/wp-content/uploads/2017/07/alberto_salgado-660x330.jpg

Multi-instrumentista, Salgado é músico, intérprete, compositor, arranjador e
professor de violão. Há 18 anos, o brasiliense exala música com ricas harmonias, diferentes melodias e ritmos brasileiros. E tempera a MPB com sua voz, violão, percussão e berimbau, em versos que tratam de ecologia, cotidiano, amores e pequenas histórias com certa pitada de humor. O músico mistura, na mesma panela, ritmos percussivos com elementos da nova MPB, usando e abusando da sua maneira de tocar violão: a mão direita é responsável pelas divisões rítmicas. É comum perceber em suas músicas, compassos compostos e alternados com influências rítmicas da bossa-nova, samba, afro-samba e sons mantras-percussivos. Dos ritmos da capoeira aos clássicos e contemporâneos. (Site do artista)

Deixe um comentário

Arquivado em Alberto Salgado, Diversas, mpb

Conhecendo a MPB de qualidade – destaques 2017: 1. Juçara Marçal

https://i1.wp.com/jucaramarcal.com.br/images/jucara6_by_jose_de_holanda.jpg

Juçara Marçal (27 de Janeiro de 1962, Rio de Janeiro) é uma cantora e professora brasileira, conhecida tanto pelo seu trabalho nos grupos Vésper Vocal, A Barca e Metá Metá e também por parcerias com Kiko Dinucci , tem importante  carreira solo.

Deixe um comentário

Arquivado em Diversas, Juçara Marçal, mpb, Samba