Homenagem: Cauby Peixoto

Cauby Peixoto (Niterói, 10 de fevereiro de 1931 — São Paulo, 15 de maio de 2016)

Um dos grandes nomes da música brasileira, aproveitou este ano de 2016, tão pródigo em despedidas de grandes mitos, para também nos deixar. O artista, que tinha 85 anos, estava internado no hospital Sancta Maggiore, no Itaim Bibi, São Paulo. Confesso que nunca fui grande fã de Cauby, uma figura meio estranha e até de mau gosto, na minha opinião, mas como não homenagear um cantor com tão extensa legião de dedicados fãs, que o idolatraram, desde a sua primeira gravação, em 1951, até sua última apresentação no Teatro Municipal, no Rio, em março deste ano. Será impossível contar a história da MPB sem falar em Cauby. Só o tamanho da sua discografia já o coloca num patamar de importância impar na música popular:

DISCOGRAFIA: A Bossa de Cauby Peixoto (2015) Cauby sings Nat King Cole (2015) Especial Negue (2011) Reencontro (2013) Minha serenata (2012) Cauby, O mito (2011) Cauby sings Sinatra (2010) Cauby interpreta Roberto (2009) Cauby canta Baden (2006) A Bossa e o Swing de Cauby Peixoto (2004) Cauby Peixoto?! Graças á Deus (2003) Meu coração é um pandeiro (2000) Cauby canta as mulheres (1999) Focus. O essencial de Cauby Peixoto (1999) Millennium. Cauby Peixoto (1999) Série Brilhantes. Cauby Peixoto. Grandes sucessos (1999) Série Brilhantes. Cauby Peixoto (1998) 20 super sucessos. Cauby Peixoto, o professor da MPB (1998) Série Brilhantes. Cauby Peixoto, edição especial (1998) Série Aplauso. Cauby Peixoto (1996) Celebridades da MPB (Disco 1) (1996) Celebridades da MPB (Disco 2) (1996) 20 preferidas. Cauby Peixoto (1996) Cauby canta Sinatra • Som Livre (1995) Frente a frente. Cauby Peixoto & Sílvio Caldas (1995) Cauby! Cauby! (1994) Cauby Peixoto. Estrelas solitárias (1994) Cauby/O que será de mim.. (1994) Acervo. Cauby Peixoto (1993) Acervo especial. Cauby Peixoto (1993) Cauby. Grandes emoções (1993) Cauby Peixoto (1993) A arte do espetáculo ao vivo (1993) Ângela & Cauby (1993) Ângela & Cauby ao vivo (1993) A arte do espetáculo ao vivo. Cauby Peixoto (1992) Ângela & Cauby ao vivo (1992) Grandes emoções – Cauby Peixoto (1991) Convite para ouvir Cauby Peixoto (1991) Cauby, Elizeth e Nora Ney (1988) Cauby é show (1988) Presença de Cauby Peixoto (1988) Quando os Peixoto se encontram (1988) Cauby Peixoto, Ângela Maria & Agnaldo Timóteo (1987) Cauby! (1986) Cauby Peixoto. Só sucessos (1985) Cauby Peixoto/Amparito • Top Tape (1985) Cauby Peixoto, Agostinho dos Santos, Altemar Dutra, Nélson Gonçalves e Jessé/Série Brilho (1983) Estrelas solitárias • Som Livre/Sigma (1982) Ângela & Cauby • EMI/Odeon (1982) Cauby! Cauby! • Som Livre (1980) Cauby Peixoto • RCA Victor (1980) Cauby. O que será de mim (1980) Cauby sempre Cauby (1980) Cauby Peixoto (1979) Cauby • Som Livre (1976) Ângela Maria & Cauby Peixoto no Canecão (1976) Superstar • Odeon (1972) Os grandes sucesos de Cauby • Tropicana (1972) Cauby interpreta • Fênix (1972) Os grandes sucessos de Cauby Peixoto (1972) Os grandes sucessos de Cauby Peixoto (1969) O explosivo Cauby Peixoto • Fermata (1969) Os grandes sucessos românticos de Cauby Peixoto (1969) Os grandes sucessos de Cauby Peixoto (1969) Os maiores sucessos de Cauby Peixoto (1969) Um Drink com Cauby e Leny – Cauby Paixoto e Leny Eversong (1968) Cauby Peixoto. Porque só penso em ti (1967) Cauby canta para ouvir e dançar (1965) Grandes interpretações/Cauby Peixoto (1965) Porque só penso em ti (1965) Cauby intérpreta… (1964) Tamanco no samba/A noite de ontem (1963) Tudo lembra você (1963) Minhas namoradas/Madrepérola (1962) O poeta chorou/Aleli (1962) Enamorada/E os céus choraram (1962) Lambuzando o selo/Quebranto (1962) Ave Maria dos namorados/Canção que inspirou você (1962) Canção que inspirou você. Cauby Peixoto (1962) Os grandes sucessos de Cauby Peixoto (1962) Duelo/Brigas (1961) Perdão para dois (1961) Cauby canta novos sucessos (1961) Marina/Drink na praia (1960) De degrau em degrau/Me deixa em paz (1960) Mack the knife/Vila de Santa Bernadette (1960) Lealdade/Ninguém é de ninguém (1960) Se foi passado/No mundo da lua (1960) O sucesso na voz de Cauby Peixoto (1960) Noite/Close to you (1959) Porque e para que/Inveja (1959) Seu amigo Cauby cantando para você (1959) Os grandes sucessos de Cauby (1959) Nono mandamento/Meu amor por você (1958) Linda/Enrolando o rock (1958) Toreador/Viver sem você (1958) Simplesmente/Bela Nápoli (1958) Volare/Triste paixão (1958) Cartilha de amor/Primeiro mandamento (1958) Quero você/Tammy (1958) Música e romance – Cauby Peixoto (1958) Nosso amigo Cauby (1958) Serenata/As três lágrimas (1957) Garotas de Portugal/Outro dia virá (1957)Rock’n’roll em Copacabana/Amor verdadeiro (1957) Anastácia/Onde ela mora (1957) Não fale de mim/Espera-me no céu (1957) Melodia do céu/Você e eu (1957) O louco/Tinha que ser (1957) Ouvindo Cauby (1957) Os pobres do Brasil/Ser triste sozinho (1957) Abandonado/Se adormeço (1957) Final de amor/A pérola e o rubi (1957) É tão msublime o amor/Sem teu amor (1957) Quando os Peixotos se encontram (1957) Prece de amor. Cauby Peixoto (1957) Blue Gardenia (1956) O show vai começar (1956) “Você, a música e Cauby” (1956) Lisboa antiga/Tentação (1956) Molambo/Amor não é brinquedo (1956) Conceição/Bibape do Ceará (1956) Canção do mar/Volta ao passado (1956) Siga/Acaso (1956) Prece ao amor/Lamento noturno (1956) Canção do rouxinol (1956) Nada além/Flor do asfalto (1956) Cajú nasceu pra cachaça/Ter saudade (1956) Amor cigano/Um sorriso e um olhar (1955) Esperei por você/Tu, só tu (1955) Superstição/Mambo do galinho (1955) Tarde fria/Ci-ciu-ci, canção do rouxinol (1955) Nem toda flor tem perfume/Cabo frio (1955) Palácio de pobre/Criado-mudo (1954) Vaya con Dios/Elvira/ (1954) Blue gardênia/Só desejo você (1954) Daqui para a eternidade/Triste melodia (1954) Mil mulheres/Se você pensa (1954) Tudo lembra você/O teu beijo (1953) Aula de amor/Ando sozinho (1953) Caruaru/Mulher boato (1953) Saia branca/Ai que carestia (1951)

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: