Faces: Cícero: Sábado (2013)

“Depois de uma estréia arrasadora, com o álbum ‘Canções de Apartamento’, Cícero voltou sua atenção às praças, coretos e vielas do Rio de Janeiro. Ele desceu do bondinho de Santa Teresa, no centro da cidade, e abraçou o experimentalismo da poesia concreta no segundo disco, ‘Sábado’.Diferente do primeiro registro, nesse novo lançamento Cícero apresenta canções mais intimistas e delicadas com arranjos singulares e complexos. Mesmo assim soando como uma sequência natural ao antecessor. Seguindo a cronologia iniciada pelos Mutantes em ‘Fuga n˚ 2’, ele apresenta uma possível continuação em ‘Fuga n˚ 3 da rua Nestor’, que abre o disco, e depois ‘Fuga n˚ 4’.
Todas as canções emanam a assinatura característica de Cícero. Como um crônista do cotidiano, ele encarna o concretismo e desconstroi as narrativas com poemas melódicos. Destaques para ‘Por Botafogo’, ‘Asa delta’ e ‘Frevo por acaso’, que seguem a linha da poesia concreta cotidiana.’Capim-limão’, ‘Ela e a lata’, ‘Para animar o bar’, ‘Duas quadras’ e ‘Porta, retrato’ completam a obra e apresentam um lado mais ousado, sem perder as características que destacaram o cantor e compositor carioca.
Com produção do próprio Cícero e pelos Brunos, Schulz e Giorgi, o disco foi todo gravado de forma caseira nas residências dos amigos, novos e antigos. Participações de gente como Mahmundi, Luisa Mayall, Marcelo Camelo, Silva, Uirá Bueno e dos dois co-produtores.Um disco essencial para entender o novo cenário da música popular brasileira.” (Eu Ovo)
Download; Sábado (2013)
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores.

Faces: Bona Fortuna – Reviver (2013)

Bona Fortuna

Reviver. Esta é a proposta do novo disco dos mineiros da Bona Fortuna. Com uma conversão honesta e agradável entre folk e rock, o quinteto agrada e garante lugar na fila das novidades que os antenados musicais devem ouvir e indicar. O uso do palíndromo Reviver é perfeita e justifica a maturidade das composições sem perder a graça e reinventando as melodias que lançam o seu som para frente.

Depois de apresentar o seu álbum homônimo aqui mesmo na musicoteca em 2012, o grupo chega para ampliar o seu parque de diversão. Com convites para participar dos principais festivais do país, 2013 ainda garante uma ampliação em sua agenda de shows levando sua música para além das redes digitais.

Bona Fortuna é André Araújo (voz e guitarra), Davi Quairoz (guitarra), Felipe D’Angelo (piano), Filipe Oliveira (baixo) e Lucas Oliveira (bateria). O quinteto de jovens que brincam de fazer boa música e encantam seu público com simpatia e bom trato musical em suas apresentações, um dom característico dos artistas mineiros.

Com uma rica produção musical e participações mais que especiais, destacamos outra grande revelação que também prestigia e faz participação mais que especial em Reviver. O paulista Phillip Long participa na concepção da canção Recado, um belo encontro musical em sua comum referência ao clássico folk. E para fechar com beleza e graça, a arte gráfica do disco também é um primor em sua unidade sonora e estética. Uma assinatura majestosa do artista gráfico Igor Andrade.

Um disco para ouvir, ver e sentir.

Saiba mais:
Site da Bona Fortuna
Facebook da Bona Fortuna
twitter da @BonaFortuna_

-Mais em :Musicoteca

Reviver - 2013
Download: Bona Fortuna – Reviver – 2013 (94.70MB)
Adicionado: 23/03/2013
https://i2.wp.com/www.bonafortunaoficial.com/css/images/album-1.jpg
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores. –

Faces: Marina Wisnik – Na rua agora (2012)

Cotinuando na tarefa de revelar novos grandes talentos da MPB, o Vitrola apresenta Marina Wisnik

RELEASE por Tutu Moraes

“Marina Wisnik é aquele tipo raro de gente que define o que realmente significa ser artista. Versátil, sensível, observadora, espertíssima e dotada de uma inteligência pra lá de intuitiva, é capaz de nos surpreender, se reinventando a todo momento com os seus diferentes talentos.

A mesma mulher que cursou Letras, que fez Teatro, que foi Bacante, e que desde muito nova já escrevia Palíndromos, se revelou-se uma compositora de mão cheia. Aliou-se no primeiro disco a Marcelo Jeneci e desse “auxílio luxuoso”, brota uma parceria fascinante, dando corpo a um conjunto de “histórias” que emocionam os ouvintes mais atentos.Quem tem o privilégio de conhecer esse trabalho, nem faz idéia de que tudo começou com um simples violão, faltando uma corda. Dessa corda “a menos”, nasceram melodias e harmonias incomuns, que dão vida e movimento a um conjunto de letras aparentemente simples e que mais parecem extraídas de um diário ín timo. Mas não se enganem! Na realidade, com uma tônica intimista e confessional, a música de Marina acaba desvelando, um rico universo de imagens que pode ser compartilhado por todas as biografias!”

Download: Marina Wisnik – Na Rua Agora – 2012 (85.03MB)
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores. -mais em : Musicoteca

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: