Top Top Covers Internacional

Quem não gosta de ouvir um cover ? A banda tá numa fase ruim ? Grava um cover que o sucesso volta. O Top Top também tem seus covers preferidos. Aqui lembramos de dez versões internacionais impressionantes. Muitas ficaram de fora. Mande sua lista. Vamos à nossa lista:

10. I Shot  the Sheriff – Eric Clapton (original de Bob Marley)

I Shot the Sheriff foi composta e gravada originalmente por Bob Marley em 1973 no álbum Burnin’, em que I Shot the Sheriff ocupa a terceira faixa.O cover de Clapton é muito conhecido e delcioso, com a combinação da guitarra de Clapton e sua voz se adaptando perfeitamente ao reggae.

9. The Man Who Sold the World, Nirvana (original de David Bowie)

 The Man Who Sold the World só virou um grande sucesso depois que o Nirvana deu à canção uma nova cara. Esta versão é do Acústico e eu adoro

8. All Along the Watchtower, Jimi Hendrix (original de Bob Dylan)

Bob Dylan por Jimi Hendrix : precisa dizer mais alguma coisa ? Uma cover quase perfeita

7.  Easy – Faith No More (1990) original: The Commodores (1977)

A regravação dispensa o segundo verso sem perder o balanço da versão original do grupo liderado pelo cantor Lionel Richie. Curiosamente, o Faith No More apenas colocou Easy como faixa-bônus no CD do álbum Angel Dust. Só que a cover começou a tocar em rádio e ganhou até clipe que tocou bastante na MTV.

6. Hallelujah, Jeff Buckley (original de Leonard Cohen)

5. Higher Ground – Red Hot Chili Peppers (1989) – original: Stevie Wonder (1973)

O tema de teclado característico da gravação original dá lugar à guitarra pesada de John Frusciante, no disco em que ele estreou no Red Hot Chili Peppers. A bateria e a parte final acelerada deixam o funk de Wonder mais próximo ao funk-metal. Uma delícia !


4. Gloria –  Patti Smith (1975) – original: Them (1964)

A poetisa punk Patti Smith pega um clássico do rock de três acordes e o amplia para seis minutos com uma melodia mais leve e uma voz bem mais arrastada que suaviza a composição do temperamental Van Morrison, cantor da banda norte-irlandesa Them.

3. How Can You Mend a Broken Heart – Al Green (1972) – original: Bee Gees (1971)

Al Green sempre foi um dos meus cantores favoritos. Aqui ele arrasa com uma versão soul da clássica música dos Bee Gees. Al Green demonstra aos Bee Gees, autores dessa canção de dor de cotovelo, tudo que eles poderiam e deveriam ter feito. A interpretação apaixonada e sofrida do futuro pastor Green elimina qualquer resquício de açúcar do original e deixa a música muito humana. Só de ouvir, quase dá para sentir a temperatura corporal de Al subir.

2. With A Little Help From My Friends – Joe Cocker (1969) original: The Beatles (1967)

É possível fazer alguma música dos Beatles melhor que os próprios? O inglês Joe Cocker provou que sim com sua versão da canção que foi cantada por Ringo Starr no álbum Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band. Cocker canta com total entrega num arranjo meio soul, meio gospel. Na gravação de estúdio, é acompanhado por Jimmy Page, do Led Zeppelin, na guitarra. A versão ficou ainda mais famosa por ter entrado no documentário Woodstock, sobre o épico festival de 1969, em que Cocker faz air guitar enquanto canta cambaleante e aparentemente chapado. Outro fator nostálgico de peso: essa cover foi o tema de abertura do seriado Anos Incríveis, bastante popular nos anos 1990.

1. James Taylor – You’ve Got A Friend – 0riginal Carole King

Minha geração amou Carole King e adorou James Taylor. Esta é outra versão melhor que a original

2 comentários em “Top Top Covers Internacional

Adicione o seu

  1. Putz… missão difícil essa, hein?
    Mas vamos lá! Com links das que já não estão na lista de vcs, que é pra facilitar! 🙂

    1. Hallelujah – Jeff Buckley (original de Leonard Cohen)
    2. Hurt – Johnny Cash (original do Nine Inch Nails) http://www.youtube.com/watch?v=3aF9AJm0RFc
    3. Love Reign O’er Me – Pearl Jam (original do The Who) http://www.youtube.com/watch?v=YO31Vgrr3oM
    4. I Call Your Name – The Mamas and The Papas (original dos Beatles) http://www.youtube.com/watch?v=X_WlLYBfL-k
    5. The Man Who Sold The World – Nirvana (original de David Bowie)
    6. Easy – Faith No More (original dos Commodores)
    7. Heard It Through The Grapevine – Creedence Clearwater Revival (original de Gladys Night & The Pips) http://www.youtube.com/watch?v=93S_l0qZrXA
    8. Lovesong – Adele (original do The Cure) http://www.youtube.com/watch?v=0RUZpOsL1JQ
    9. Nature Boy – Pomplamoose (original de Nat King Cole) http://www.youtube.com/watch?v=LNpwBpZUrzk
    10. Proud Mary – Ike & Tina Turner (original de Creedence Clearwater Revival) http://www.youtube.com/watch?v=hzQnPz6TpGc
    Bonus Track: Tainted Love – Soft Cell (original de Gloria Jones) http://www.youtube.com/watch?v=oEh5pWjcWCg

    Curtir

  2. Nossa, realmente a versão de Al Green de “How Can You Mend a Broken Heart” dá um banho na original dos Bee Gees.
    Outros covers que foram esquecidos, e que são superiores às versões originais são:

    .Boys Don’t Cry – Originalmente do The Cure e com versão folk de Grant Lee Phillips (2006) – Ficou muito interessante
    .Pale Blue Eyes – Originalmente cantada pelo Velvet Underground e com versão abrasileirada de Marisa Monte – Podem chamar de heresia, eu chamo de ousadia.
    .Respect – Originalmente de Otis Redding com versão soul dance de Aretha Franklin – Todo o meu respeito a Otis Redding, mas essa música só é o que é por causa da Aretha.
    .Knocking on heaven’s door – Originalmente de Bob Dylan com versão rock de Guns n’ Roses – Olha, eu nem sou fã de guns, mas devo assumir que a versão deles fez muito mais sucesso que a de Dylan.
    .Twist and Shout – Originalmente de The Topnotes com versão rock dançante dos Beatles – Como não falar do cover mais famoso da história? Há quem ache ainda que esta música é original dos Beatles devido a tanta vida dada a ela por John e Paul.
    .You’ve Got to Hide Your Love Away – Originalmente dos Beatles com versão de Eddie Vedder – Não vou dizer que a versão do Eddie é superior a dos Beatles porque ai sim seria heresia, mas as duas versões são igualmente lindas.
    .Whiskey in The Jar – Originalmente de The Dumbliners com versão rock do Metallica – O Metallica massacrou nessa versão.
    .Love Hurts – Originalmente de Roy Orbson com versão farofa do Nazareth – Precisa falar o quão mais emocionante (e brega) é a versão do Nazareth para esse clássico?
    .Girl You’ll Be a Woman Soon – Originalmente por Neil Diamond com versão cult de Urge Overkill. – É uma daquelas que a gente acha que a versão original é a cover.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: